segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

Uh la la!

Meus caros leitores do blog,
Até agora, durante estes belíssimos mui bem aproveitados meses de leituras e partilhas de vivências ainda não vos pedi nada. Pois bem, não pensem que o meu altruísmo é tão alto que chega a esse nivel!
Durante as ultimas 2 semanas tenho dedicado boa parte do meu tempo a desenvolver um projecto ao qual carinhosamente chamamos projecto NY (caso ganhe, o 1o prémio é uma viagem a NY). Vejam, cusquem, digam bem, digam mal, votem (muito!!) e todo o feedback é mais que bem vindo!

http://tinyurl.com/yezol5u

quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

Just a regular day

Tudo o que vejo é um abismo em minha frente e negro e lágrimas e frustração e desespero.

Porra de tempo, porra de altura, há dias alegres e dias frustrantes, mas acabo por receber mais frustração que alegria, mais choros que risos.

E negro e escuro e trovoada que me rebenta nos ouvidos
Trovões, tambores a perseguir-me o corpo
A minha alma a tornar-se mais pequena e insignificante
Com o assobio da ventania a passar por ela

Doi-me o corpo doi-me a alma
Quero fugir e não quero,
quero dormir e tenho medo de pesadelos,
Quero ser feliz e choro,
Quero estar com pessoas e estar só,
Quero escrever e não consigo
Quero estudar e doi-me a cabeça

Não sei o que quero e quero tudo.

Estou apática, desesperada
Sinto só dor e aperto
Um grito que não sai porque tem medo
Medo de quê? E eu sei lá
Um choro que insiste em permanecer lá dentro
Um sorriso e gargalhadas falsas a vomitarem para fora uma alegria não verdadeira

Não, não vejo o Sol
Já não vejo o Sol há muito tempo
Mesmo ele estando lá
E querendo-me chamar

Estou farta de tudo, nada me diz nada
Queria fugir
esconder-me num canto, sozinha e ficar lá quieta
e muda

Não quero saber de nada,
Não quero saber se a vida é injusta
ou se tem o seu brilho

Não quero, recuso-me
Recuso-me a saber, recuso-me a ler este texto
escrito como facadas no ar
que rasgam algo que não existe
mas está lá

Farta de gente que não querem saber de nós
Que nada nos diz
ou que não nos respeita

Farta do dia a dia igual
Farta de tentar escrever e não conseguir.
Farta de "é hoje que vai mudar e vou ser feliz"

Farta de querer ser feliz para as outras pessoas serem felizes
Farta de reter a lágrima
Farta de reter o grito que se forma na minha garganta e não sai

Farta de querer ser forte, e ser uma fraca
Será tão difícil as pessoas perceberem que os outros tem maneiras diferentes de lidar com as situações?

Que por vezes o acto de ver um filme idiota e gozar com ele pode significar mais do que falar sobre o assunto?

Just saying...

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

I can't zee da zun :(

Acabei de receber uma noticia que só me colocou mais fardo sobre as minhas costas.

Ou seja:
mais pressão = mais stress = falhas = mais pressão para recuperar as falhas.

Raio de ciclo =/

sábado, 28 de novembro de 2009

Random thing

Melhor será que me interne. E rápido 8D!


Et ny photos niem strei la
Et ny crzarh nien strei la
Et tad murg args
Et args nien nei a rezon

Id pessad maris 2 nearz
Et mi czarh horz com'czy

sábado, 21 de novembro de 2009

Intolerância e demais cancros.

Primeiro, se o que querem é um texto bem humorado, procurem nos meus outros posts. Isto é um desabafo sério, um texto escrito sem pensar. Pode conter palavrões. Muito provavelmente tem erros e gralhas, pois não foi revisto.

O ser humano é uma mesma espécie, sempre será uma mesma espécie. E aparentemente é até uma espécie bastante inteligente, certo? Com as suas invençõezinhas, até se tem dado bastante bem. Sim, desde a descoberta do fogo até às viagens espaciais, o homem tem provado que é o ser vivo perfeito, certo?
Errado. O ser humano está longe de ser perfeito. Grande erro humano, é "que vos comeis uns aos outros", como diria o Padre António Vieira (in Sermão Santo António Aos peixes). Mas não sou injusta, nem todos os humanos devem sofrer o fardo pesado do erro dos seus semelhantes.

Mas, o que eu realmente quero falar, e que por algum motivo senti que devia ter esta introdução, é da intolerância, de homens se transformarem em bestas para devorar outros homens.
É giro como temos a tendencia para etiquetar tudo. Até pessoas. Raça, religião, orientação sexual, nacionalidade, tudo é motivo para que o ser humano aparentemente mais racional se deixe levar pelo lado mais primitivo e que critique, persiga, julgue e condene.

Putas de ideologias de superioridade, o ser humano não é definido pelo berço que nasceu, não é por uns serem arianos que se vão julgar melhor que os outros. Não é por uns terem determinados genes (que até se manifestam apenas fisicamente) que tem o direito de aprisionar, chacinar, torturar milhões de pessoas por um "ideal" falso, por um "ideal" de terror, de dor.

Esse tipo de comportamentos, a felicidade sádica de bestas que não tem nada na cabeça e que até se divertem a torturar outros seres humanos, deve ser repudiado, evitado e simplesmente cortado.
Cada ser humano é um ser humano, cada homem é um ser vivo que nasce e sente, com uma capacidade intelectual própria, e com a consciência da sua própria existência.
Mais que um crime, o acto de matar um inocente é um crime contra a própria humanidade, contra a vida.

Roubando as palavras a Pessoa (N'"O Banqueiro Anarquista") "Um nasce conde ou marquês, e tem por isso a consideração de toda a gente, faça ele o que fizer; outro nasce assim como eu, e tem que andar direitinho como um prumo para ser ao menos tratado como gente", não é um berço ou uma característica física que vai definir as pessoas. O que define verdadeiramente uma pessoa é como esta lida com o mundo, como avança, pé ante pé, na vida.

O respeito pelo outro, isso sim é a inteligência, isso sim é o santo graal da humanidade. Atenção, como gente de informática que sou sei da importância dos avanços tecnológicos, porém não posso deixar jamais de parte a ligação humana. Os seres humanos são criaturas sociáveis, e para haver uma verdadeira existência não se pode apoiar apenas em materiais, mas nas vivências, nos outros que habitam o mundo.

Menos respeito não pode haver do que aquele que quer ser respeitado à força, foi o que aprendi, e sempre "há alguém" (apesar de tudo) "que grita, alguém que diz que não".

Este texto não diz tudo o que realmente penso deste assunto, até porque fiquei esgotada, e tendo em conta as horas. Talvez escreva outro, que este tema bem merece.

No entanto, parem no "Sermão de Santo António Aos Peixes". E se há alguém por aí com a mania da raça, que vá a auschwitz antes de se tornar uma besta completa.

E sim, tou frustrada.

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Alguns dos filmes que mais me marcaram I

ATENÇÃO : Esta lista não é absoluta, nem está por ordem. Ah!, não confundir com "Filmes que Gostei mais". Há uma diferença muito importante!

Laranja Mecânica -> Vejam. Simplesmente. É impossível ficar indiferente a esta obra prima (e fez-me gostar ainda mais do meu caro Beethoven)

Jurassic Park -> O meu primeiro filme "A sério". Lembro-me de no 2º ano querer brincar aos dinossauros. Eheh ^^

Rei Leão -> Ainda sei o filme de cor. Querem ouvir? Querem ouvir? =D

O Estranho Mundo de Jack -> Lembro-me de ser uma garota pequena e ver este filme na RTP1. E de ter um medo tamanho do Jack :). Hoje em dia é um filme que não posso deixar de ver sem sorrir.

Kill Bill -> Primeiro Tarantino :)

Star Wars VI -> Primeiro Star Wars que vi. Acrescentar mais alguma coisa é inútil ;)

Trilogia antiga do Star Wars & Triologia do Indiana Jones -> Estes bebés (juntamente com Final Fantasy 6) ajudam-me a escrever grande parte das minhas histórias. Basta-me ver uma cena e imagino logo universos / mundos desconhecidos.

Indiana Jones IV -> Pude ver o velho Indy no cinema. E foi isso :P

Fantasma da Ópera -> hey! Fez-me ficar rouca (quase afónica) um verão inteiro. Guess why ^^

Batman -> O Tim Burton é um génio :). E se o Joker é melhor no novo Dark Knight, o Batman do Burton tem qualquer coisa que o outro Bale não tem (talvez uma garganta mais "limpa"). Anyway, este filme fez-me gostar (ainda mais) do Batman.

Toy Story -> Fiquei a olhar para os meus brinquedos de outra forma :|

E faltam mais, mas a mente já se desfaz a estas horas tardias (?). Nem escrever decentemente consigo =).

quarta-feira, 21 de outubro de 2009

PAAF - Poema de Amor Assaz Fofinho

I

Oh, ser das profundezas
Que nasce dentro de mim
É o amor, é o amor
É o amor que sinto por ti!

Dá-me dores de cabeça
E chateia-me a porra do dia
Mas, porém, sem ti
Não sei o que faria

Gastaria menos dinheiro
E teria melhores notas
Saía mais com os meus amigos
Em vez de ter as minhas costas mortas

IMPORTANTE : Este poema foi escrito inteiramente por motivos de falta de sono. A mui nobre dona deste blog não sente necessariamente o que está escrito em cima, apenas foi uma descarga de palavras após visionamento do episódio dos Simpsons que mostra como o Homer e a Marge se apaixonaram (o verdadeiro, não aquela coisa mais recente em que ele são inda uns pirralhos). A mui nobre dona e autora deste blog não se responsabiliza por uso deste poema em declarações de amor, pode ou não dar mau resultado.

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Descobri que possuo um tamanho ligeiramente maior que alguns dos meus superiores. São coisas que nos dão que pensar...
ou não...
Tenho fome.

domingo, 6 de setembro de 2009

Doi-me o pé, versão Cabeça

Dói-me a cabeça, ça
Desde manhã, ã, ã
Tomei um comprimido, do
Para que desapareça,ça

--------------
O poema de cima é a prova irrefutável que as sequelas são uma merda. PEACE OUT!

domingo, 19 de abril de 2009

Conversa no Omegle

Só para quem nunca usou o omegle, o "You" é esta pessoa que vos escreve e o "Stranger" é um tipo qualquer aleatório.



Connecting to server...
Looking for someone you can chat with. Hang on.
You're now chatting with a random stranger. Say hi!
You: hey! I dont know u and u dont know me but i'm god!
Stranger: HI!
Stranger: omg
Stranger: your god?
Stranger: which one!
You: THE GOD :O
Stranger: omg.
Stranger: this is madness
Stranger: uhhh
You: THIS IS SPARTA!!
Stranger: D:
Stranger: do not want!
You: why? :(
Stranger: idk
Stranger: Darth Vader said it.
Stranger: you wanna know whats disgusting?
You: tell me please :|
Stranger: somewhere in an alley in Chicago, there is a dumpster full of babies
Stranger: you know whats more disgusting?
You: say, don't stop :|
Stranger: ones still alive at the bottom D:
You: :O
Stranger: even more disgusting?
You: wowwww
Stranger: HE ATE HIS WAY OUT
You: :O
Stranger: even more?!
You: AWSOME :O
You: yes
You: tell me
Stranger: he went back for seconds.
You: everything
Stranger: no
Stranger: your god
Stranger: you tell ME everything
You: 42
Stranger: interesting.
You: of course
You: im god
Stranger: tell me more.
You: im interesting
You: 42
Stranger: i must take notes.
You: yes, u should
Stranger: Can u tell me when im going to die?
You: how old are u?
Stranger: 327 years young
You: uhh
You: do u smoke?
You: do u drink?
You: do u pay the church?
You: u should! Cos life is short!
Stranger: what is church?
You: its a place where u pay things
Stranger: smoke? i smoked a chicken once
Stranger: ......dont ask
You: ohhh
You: .....
You: chickens are like, my sisters
Stranger: i apologize in advance then.
You: i'm sorry but i dont like people who smoke my sisters
Stranger: i know.
Stranger: im so sorry.
You: u should!
Stranger: i guess i can reflect on it later
You: For now on u should pay more and more to the church!
You: do u like c++?
Stranger: c++?
You: its like the best thing in da world. U need to like it to go to heaven!
Stranger: tell me about it
You: it s like simpsons
You: have u met ted?
Stranger: hmm
Stranger: ted banks?
Stranger: i know him
You: na
You: ted ted
Stranger: ted who
You: ted!
Stranger: OH!
Stranger: ted ted
You: :D
Stranger: T.T jr or sr?
You: he's a precious thing!
You: sr
Stranger: dooood
Stranger: hes like
You: he got married to that chick next door
You: so he's sr
You: sr ted ted girl next door.
Stranger: my cousins daughter's uncles dad's nephew thrice removed
Stranger: how has he been?
You: awesome. He went to catch pokemons
You: he's getting rich!
Stranger: really.
You: yes. Lapras, do u know?
Stranger: is he still pimpin?
You: ohhh yeahh
You: u can bet his hard ass he iss :D
Stranger: i hope he stops
Stranger: he might get pica.
You: why?
You: dont u like pokemon?
Stranger: yea
Stranger: but i mean
You: pica is overrated
Stranger: its PICA
You: NO
You: its NI
Stranger: thats srs shit
You: noo! I'm god! I'm the master here!
You: u should see "Os conselhos do aleixo"
You: its very good
Stranger: well then why do you let people have insatiable desires to eat non-food substances!
You: uhh, like what?
Stranger: you know
You: are u acusing me??
Stranger: glue
Stranger: wood.
You: uhh
Stranger: (not that kind)
You: do u like to eat it?
Stranger: nope
Stranger: my best bud tim does
You: soo........?
You: oh, but its not u
You: u need to be egocentric
Stranger: soo......he ate my couch.
You: u should watch lost
You: thats a shame =(
You: i'm sorry for ur couch
Stranger: i would watch it but you see, my other friend
Stranger: we call him hugo
Stranger: he likes eating electronics
Stranger: and i dont ahve a TV anymore.
You: uhh, hugo ervilha?
You: i know him!
You: he likes microwaves!
Stranger: yea.......i had to lock mine up
You: =(
Stranger: are you related to Yogg Saron?!!?!?!!
You: i'm related with everyone in the world!
Stranger: oh
You: In more than one way!
Stranger: well.........he died
Stranger: stupid people from europe killed him
You: WHAT????
You: but he was my favorite one
Stranger: its a shame
You: he was in "Friends", he liked that rachel chick!
Stranger: omg rachel?
You: YES
Stranger: no wai
You: yap
Stranger: it cannot be
You: yap way
Stranger: sigh.
You: =(
Stranger: well i g2g to school for the blind.
Stranger: See u later!

(texto sem alterações :) )

domingo, 12 de abril de 2009

Free Time =)

(para ver as observações e outras opções leia até ao final. Obrigada)

1 . O TEU NOME VERDADEIRO:
Ruana

2 . O TEU NOME DE GANGSTER (as primeiras 3 letras do teu nome mais izzle)
Ruaizzle.

3 . O TEU NOME DE DETECTIVE: (animal preferido mais cor preferida)
Pantera purpura

4. O TEU NOME STAR WARS (primeiras 3 letras do teu último nome, primeiras 2 letras do teu primeiro)
Ruaan

5. O TEU NOME DE SUPER HERÓI: (2º cor preferida, bebida preferida)
Chá preto

6. O TEU NOME IRAQUIANO: (segunda letra do teu primeiro nome,terceira letra do teu último nome, primeiras 2 letras do teu nome do meio, últimas 2 letras do teu primeiro nome, últimas 3 letras do teu último nome)
Nacrnaana

7.O TEU NOME DE PROTECÇÃO DE TESTEMUNHAS (nome do meio de ambos os pais)
Adelaide Maria.

8. O TEU NOME GÓTICO: (o nome de um dos teus animais e negro)
Jonas Negro.

Observações no final desta actividade : Foi bastante divertida, apreciei os nomes que me foram ofertados de forma tão não aleatória. Gostei especialmente de Nacrnaana e penso usa-lo de forma mais activa no meu dia a dia. Aqui fica cada observação para cada nome:

1) Ruana : não muito que dizer, é o nome pelo qual sou chamada.
2) Ruaizzle : Talvez por estar acostumada a matratarem o meu nome de forma constante (assunto que será debatido posteriormente), Ruaizzle não me choca especialmente. É uma ideia a seguir quando necessitar de um nick idiota e todas as outras opções já estiverem escolhidas.
3)Pantera purpura : Nem o meu animal preferido, nem a minha cor preferida. Mas pertencem à elite dos preferidos, sem dúvida. Não tenho um animal nem cor em especial, segui então pela aliteração, o que fiz bastante bem até, embora tenha um ar mais de stripper do que detective privado. Outras opções seriam : Leoa Vermelha, Grifo Verde, Rouxinol Azul.
4) Ruaan : por uma estranha e agradável coincidência, o meu nome STAR WARS não difere muito do meu nome "verdadeiro", mas há que analiza-lo. Ruaan parece a mistura entre um rugido que o meu querido e fofo chewbacca faria, juntamente com o nome espanhol "Juan", mas com um toque pessoal de "Ruana". A considerar...
5)Chá preto : Hum. Digam a verdade, um super herói com esse nome arrasava tudo x). Alternativas : Porto Verde, Água Vermelha, Sumo Azul.
6) Nacrnaana : Definitivamente o nome de um deus satânico, vindo de um filme do Indiana Jones. Ou então uma aranha mutante gigante.
7) Adelaide Maria : curiosamente é o nome ao contrário da minha mãe (sem os apelidos, obviamente). Manhoso isso.
8 ) Jonas Negro : Prefiro abster-me de comentários. Alternativas : Micke Negro, Maria Alface Negra, Spoky Negro (não os usei porque os antigos usuários desses nomes estão mortos/desaparecidos)

domingo, 29 de março de 2009

Depois de muito pensar

Acho que vou renovar este blog (não apagando as mensagens antigas porque, para o bem e para o mal, fazem parte da minha vida) e tentar ser mais séria e menos impulsiva naquilo que escrevo, ou seja, ler e reler bem antes de postar.
.
.
.
.
.
.
.
.
Não vai correr bem

terça-feira, 24 de fevereiro de 2009

"Everybody wants to find a buried treasure chest,
but no one wants to bury one. If you do, be my guest."

In "Treasure Map" by Lemon Demom

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009

E depois de um mês de jejum

Aqui está outro post

domingo, 11 de janeiro de 2009

Jogando Uno

Eu : "mão direita, mão direita é penalti! É PENALTI!"
A outra (cortando e mostrando, efectivamente, a mão direita) : "eu joguei com a esquerda"
Eu : "não, essa é a direita"
A outra : "não é nada!" (tenta escrever) "ah, pois é"

segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

E enquanto não me dá para fazer um html meu, vou "roubando" a outros sites.

Depois na Páscoa lá farei um novo (ou não)

domingo, 4 de janeiro de 2009

Teatro

AVISO! ESTE POST PODE-SE TORNAR MUITO LAMECHAS!

Ai, ai. 2008 já passou, mas por aqui quedam saudades e memórias que o tempo não apagará.
Hoje decidi homenagear aquilo que verdadeiramente me fez dar "o salto" para aquilo que sou hoje. Sim, continuo a mesma doida de sempre, com ideias mirabolantemente estranhas de dominação mundial.
Porém, desde que entrei para o teatro em meados de Outubro de 2006, algo mudou. Mais confiante, mais criativa, e muito mais receptiva às pessoas que me rodeavam. Além disso, consegui concluir a minha única obra completa até hoje (que, curiosamente, também é a minha primeira obra de teatro que escrevo) "O Alien".
Talvez se devesse ao facto de a minha personagem ser uma mulher que bate no marido (ah pois é) em que o dito coitado era um garoto com menos 4 anos do que eu. Vale a pena sublinhar que eu andava no 11º e ele no 7º ano.
Mas falemos no teatro no ano 2008...
- (Re)Descobri ("Felizmente Há Luar")
- Representei ("A birra do Morto")
- Vi (O belíssimo "Fantasma da Ópera")
- Escrevi ("O Alien")
- Comecei ("O assassino")

E o mais importante de tudo foram as pessoas, as sensações, as vivências, as inspirações.

Ainda há mais por falar, ainda não me calei com este assunto mas por agora encerro-o, pois as minhas obrigações são demasiadas para serem esquecidas.

E assim se fecha o pano do primeiro acto

quinta-feira, 1 de janeiro de 2009

Antes de fazer a lista de promessas que não vou cumprir

O que me faltava por ver : Bruno Aleixo com legendas em inglês :

quarta-feira, 24 de dezembro de 2008

A aproveitar o jantar

Porque isto de "trepar às pedras" até ao ponto mais alto dá fome :)

sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

Para quem achava que "assaz" era uma palavra de Bragança

aqui fica o link com a definição:

http://www.dicionarioinformal.com.br/definicao.php?palavra=assaz&id=17342

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Os post vão acabar por hoje

É que já há um novo capitulo do Ouran High School Host Club x)


http://pajcat.files.wordpress.com/2006/04/tam-react-1.JPG

(e tou-me pouco a importar se me chama obcecada por ter aqui a imagem do Tamaki :D)

Fail às 8.25 da manhã

Isto passou-se quando, na minha residência, uma cara amiga minha em vez de me telefonar, telefonou a outra pessoa. Aqui está a conversa como ela ma descreveu

- RUANA! Não deveríamos já estar lá em baixo?

- desculpe?

- Já tinhamos que estar lá em baixo, sim!

- Mas eu não sou a Ruana...

- És sim. Deixa-te de me***!

- Mas eu não sou mesmo a Ruana.

- (silêncio). Ah! Desculpa! Enganei-me!

- Não faz mal

- Mas a sério! Acordei-te.

- Já era a minha hora de acordar, não te preocupes.

- Desculpa! A sério! (desliga)

E Shaun of The Dead marca pontos

De todos as criaturas de terror, aquelas que mais rapidamente me levam a ir ao cinema são os Zombies.

Não sei porquê, mas sempre me senti fascinada por esses filmes manhosos com bichos nem mortos nem vivos, a arrastarem-se pelo chão e a emitirem sons peculiares.

O meu primeiro contacto com tais seres, foi num episódio de terror dos Simpsons, sendo que o segundo (lembro-me bem) foi o jogo Resident Evil. Era pequena quando vi pela primeira vez o meu irmão a jogar tal jogo.
Confesso que tive medo.
Felizmente o Jurassic Park (pouco depois) tirou-me o medo a todas essas coisas estranhas, e hoje em dia posso gabar-me de nunca ter parado de ver um filme de terror por achar chocante de mais. Mas essa história ficará por outro dia.

Fui crescendo, e esquecendo essas histórias de zombies. Apenas os conhecia muito de leve, mas sem realmente achar piada.

Até que um dia... tive a brilhante ideia de ver, num jantar de turma qualquer, o filme "Resident Evil II". Não achei o filme genial, nem marcante. Mas o "maus", os "inimigos" dessa história intrigaram-me, e desperataram em mim a vontade de procurar mais longa-metragens com essas criaturas.

Desde então não torço nariz para filmes de zombies, vejo-os todos com carinho especial :). Acho-me uma completa inculta neste gênero de terror, porém definitivamente irei mudar isso no futuro (próximo, espero eu)


VOTA PZ! (partido de Zombies ^^)


(OBS : Tartes NÃO SÃO um bom método para matar zombies. Em vez de isso usem tacos ou discos de Vinil. Muito obrigada)

Já agora...

Não é "haverão aulas"
É "haverá aulas"
Alinhar ao centro

Só pra dizer

( o termo "aulas" foi escolhido completamente ao acaso)

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Hoje fui ao ginásio

Muitos dirão que é para emagrecer para usar esta t-shirt do Nightmare Before Christmas . Outros simplesmente acharão que eu sou do tipo de pessoas "ai e tal, vamos lá ver". Outros pensarão que será por causa do jacuzzi (não estão muito enganados, na verdade). Outros afirmarão que bati com a cabeça na parede e já não sei o que faço.
Posso defender-me e dizer " 'Tão enganados" a essas gentes (que não são de má fé, pois gente de má fé é boa gente).

Na verdade é para ganhar resistência. Tenho um problema de saúde (que anda há mais de 18 anos a tentar descobrir, e agora acham estar no caminho certo) e tenho tendência a sentir-me mal quando faço esforço ou até quando estou numa loja de roupa algum tempo de pé. E isso, meus caros, é chato. Sinto-me fraca e eu não gosto de me sentir fraca. Odeio na verdade. Como tal quero ver isto do ginásio como uma oportunidade não de perder peso (que por acaso até preciso), nem de ir ao jacuzzi (que gostava de experimentar, já agora) mas antes de ganhar força para o que der e vier, de modo a poder ficar uma noite inteira a divertir-me sem ter que me sentar!



Já agora, ver Naruto enquanto se anda ligeiramente depressa é a forma definitiva de fazer ginástica :).

Um dia com bastantes posts (ou não)

Só queria avisar que devido ao meu estado energético e absolutamente( ?) inspirado provavelmente vai haver uma torrente maluca de posts novos.

Eu já bebi água chic. E tu?

http://spotmagazine.files.wordpress.com/2008/05/monchique565chic.jpg

sábado, 13 de dezembro de 2008

OWNED!

segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

Pois é

Há quem tenha passados negros...
Há quem os tenha cor-de-rosa... (não, não sou eu ^^)

Pois é, descobrem-se coisas muito rosadas na net, certo? ^^

MWAHAHAHAHA

sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Neve...


What's this?
There's white things in the air
What's this?
I can't believe my eyes
I must be dreaming


quarta-feira, 12 de novembro de 2008

Viciei neste jogo. :D

http://armorgames.com/play/964/shift-2

segunda-feira, 27 de outubro de 2008


Raios ta partam....

Onde estás tu?

segunda-feira, 20 de outubro de 2008

E assim se recebem comentários assaz bons :D

Rouxinol, tu és uma ave rara

By "O Borga aka Pedro Maia"

(btw, Rouxinol sou eu xD)

SPAM

Spam spam spam spam. Lovely spam! Wonderful spam! Spam spa-a-a-a-a-am spam spa-a-a-a-a-am spam. Lovely spam! Lovely spam! Lovely spam! Lovely spam! Lovely spam! Spam spam spam spam!


by Monty Python

domingo, 19 de outubro de 2008

Dói-me o pé, é, é, é
De uma maneira má, á, á, á, á
Não tenho equilíbrio, io, io, io, io
E tou com uma overdose de chá, á, á, á,á

Já não sei o que digo xD

quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Contam os bardos uma história mui antiga
Ocorrida na ilha perdida,
antiga ilha Boudica,
Agora engolida
Pelo impiedoso oceano

Havia uma rapariga,
e que bela que era,
com tez e cabelos dourados
e olhos de um azul profundo
como se engolissem o mundo
sem nunca estarem cansados.

Era um espírito livre
para desgosto dos pais
que a queriam casada com um senhor
O senhor do seu país
Mas o seu único amor
O seu único amor era o mar

E o Deus do mar viu-a
A ela, perfeita, nua
Tomando banho no elemento que partilhavam

A rapariga notou que observada era
Mas não fugiu
Não se escondeu
Abraçou-o, pois reconheceu-o
Como o seu amor, como o mar

Era uma união perfeita
Sincera, inocente
Mas tal amor tão puro
Não poderia durar para sempre

A Deusa do céu havia-se apaixonado
E quem seria o seu enamorado?
Por quem suspirava sem parar?
Não era outro se não o Deus do mar

Quando descobriu a união entre o Deus e a mortal
Ficou roída pelo ciúme e com uma raiva doentia
Jurou separar os amantes
Distancia-los,
Mante-los distantes

Certo percebeu que palavras vãs
E mentiras envenenadas
De nada iriam resultar
Para o casal separar

Matou então a rapariga
Num golpe de traição
Um punhal no coração
E enterrou-a na terra
E selou o amante no mar

"Já não a podes alcançar"
gozou a Deusa com gosto,
"Recusaste o meu amor,
sem mais amor ficarás
Uma eternidade viverás
E no teu coração nascerá o desgosto"

E o mar, desesperado,
Estica os longos braços pelo areal
Formando ondas
Tentando, em vão, a amada alcançar
E ele todo o dia suspira
Triste, pela sua trágica história de amor.

in "Lendas de Kseth"


Quero uma bolacha :(

quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Oy, oy, oy

Voltarei em breve

MWAHAHAHAHAHA

Fear me...

segunda-feira, 26 de maio de 2008

Devo dizer que continuo viva e que me apetece dar bolachas.

Qualquer dia temos que combinar para dar as bolachas que devo :P

sábado, 26 de abril de 2008

O dito cujo bicho da história era suposto ter erros porque foi escrito por mim e por uma amiga minha por sms (o texto que tem pior qualidade em relação à escrita é da minha amiga, obviamente).

O da "caças" realmente é um erro... mas não o que estava à espera. Fiquei deveras triste por descobrir que tenho mais erros do que o que pensava...

sexta-feira, 25 de abril de 2008

Quem descobrir o erro ortográfico que se encontra num post do meu blog recebe uma bolacha.

sábado, 19 de abril de 2008

Gravei o meu nome no sonho
P'ra que ele soubesse
Que eu estou aqui
E mesmo que não o cumpra hoje
Ele estará marcado
E amanhã será meu.


Adoro a formação de teatro :)

sexta-feira, 14 de março de 2008

E agora para a gente do teatro :



E para os aficionados os que não perceberam nada do que está acima, maravilhem-se com isto:



(este ainda menos devem perceber, mas os bonecos são fofos)

quinta-feira, 13 de março de 2008

Agora um post sentimental:


Obrigada pelo "Não te esqueças que os sonhos comandam a vida"

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2008

in urbandictionary.com

Catarina

A term used to secribe a really cool person who has slight mental issues.
Yeah, she's a catarina but i love her.




Yey, está tudo certo :/ Pelo menos na parte que me toca...

sábado, 16 de fevereiro de 2008

Vamos criar uma história?

Era 1 vez um hsptal q foi incendiado por uma client mt pk stsfeita

Então esse incêndio matou pessoas inocentes, como crianças com cancro, mães de filhos estremosos e trabalhadores honestos

A incendiaria sentiu.S altament realizada perant o caos causado. A incendiara got da power!

Depois foi pra prisão onde viveu o resto dos seus dias miserável.

Repleta d felicidade na sua loucura. Sem pessoas totos mas e parvas. So cm a unka pessoa q alguma x poderia gstar : ela propria. Atingiu o paraiso

Eu sou feliz.



(Texto sem alterações)

quinta-feira, 31 de janeiro de 2008



Símbolo de alguém que não tem nada para fazer e não lhe apetece escrever algo decente no blog

Vou de hippie como a outra :P

sexta-feira, 25 de janeiro de 2008

Lanchar por volta das nove da noite é das melhores coisas que há no mundo.

terça-feira, 22 de janeiro de 2008

Frases da Rival (I)

"As minhas caças hippie são como as do jedis japoneses"
eheheh.
What about you?


Which South Park kid are you most like?

Kyle

You are clever, and often come up with intelligent and funny comebacks to other people's stupid remarks.

Personality Test Results

Click Here to Take This Quiz
Brought to you by YouThink.com quizzes and personality tests.

domingo, 20 de janeiro de 2008

"Janeiro 20, 2008

Este Blog acabará depois do blog Letzeedazun* Pela honra das Urtigas e Giestas@

"

Agora é que vou mesmo manter este blog até ao máximo que conseguir :D. Vamos ver até quando é que tu te aguentas! MWAHAHAHAHA


A música do House é gira quando se ouve pela primeira vez

A música do House é irritante quando se ouve 5 vezes seguidas.

sábado, 19 de janeiro de 2008

Piada foleira nº1:

"Como se chama a um homem sem orelhas?
Como quiseres, ele não ouve"


Dói-me a cabeça

quinta-feira, 17 de janeiro de 2008

Hoje foi o exame intermédio de matemática...
Nem comento...

Por outro lado gravei hoje o meu primeiro programa de rádio. Soube-me mesmo bem.
Teremos que gravar de novo.

terça-feira, 15 de janeiro de 2008

Conversa de sms:

E Londres? [Vais?]

Az coizas tão a evoluir.

Positiva ou negativamente?

Não zei. Tão a evoluir
Poder do futebol:
Há gente que se chateia com outros por não gostarem desse desporto e por isso não apoiarem a selecção nacional. Por mais estranho que possa parecer é verídico. As pessoas que se chatearam estão sem falar à mais de 2 meses.
Esquisito...
Amizades que se perdem por tão pouco...

Mas falemos de mim...
Comi lasanha hoje.
Falarei do resto amanhã (talvez)

segunda-feira, 14 de janeiro de 2008

Só para avisar

Este blog vai durar 1, 2 semanas no máximo

Obrigada
BASTA!
Basta de blogs pseudo-culturais que falam de pseudo coisas que os pseudo autores pseudo gostam, mas que existem para se pseudo armar às pseudo pessoas!
Basta de blogs cor de rosa berrantes com músicas que os autores não entendem, max k tão na moda!
Basta de tristes cartas de suicídio de autores que andam bem com a vida!

BASTA!!

Falem sobre cultura, purpurina, notas de tristeza ou do que porra quiserem! Mas só porque vocês querem!
Tenho dito!


Estou enjoada:(